terça-feira, 2 de junho de 2009

sobre a saudade...


Hoje eu vim postar com a ideia de fazer um texto bem polêmico ou algo assim, até separei algumas frases; mas o dia todo fui tomada por um apertozinho no coração, e o mais engraçado e que cada hora esse "incomodo" significava um nome diferente. Pois bem, o blog é meu, sendo assim, hoje vou fugir um pouco do roteiro e falar sobre a saudade.

Nesse um ano das Ciências Sociais já encontrei explicações racionais pra um monte de coisas que eu jamais imaginaria encontrar...A dádiva, a publicidade, o "jogo do bicho", a religião, pq as mulheres vão juntas ao banheiro, até mesmo sobre o nojo... Só que sobre ela ainda não consegui encontrar nenhuma. Na verdade eu acho mesmo que ela não tem explicação, e se tem, acho que prefiro não saber, gosto muito dessa irracionalidade chamada saudade.

Hoje já pensei nos amigos de Friburgo, no pessoal de São José, nos parentes distantes... até em pessoas que passaram pela minha vida há muito tempo e uma vontade absurda de estar com todos eles tomou conta de mim que... Bem, liguei pro papai, é, ele é o único que retorna ligação a cobrar, falamos sobre coisas felizes, e no fim eu disse "estou com saudades" e engraçado como a voz dele mudou, nesse momento pude até ver o brilho nos olhos dele, por trás daquela face séria,ele devia estar no meio de uma reunião, a voz que antes estava tensa, tornou-se sonora e agradável. Desliguei, estava feliz, havia deixado alguém feliz e eu já me sentia menos sozinha.

Hoje eu queria ter ligado pra pelo menos umas dez pessoas que são muito importante pra mim, queria ter feito todas elas felizes com um simples telefonema e ter dito a elas, como hoje eu sentia a importância que elas tem na minha vida.

Não deu. O que parece uma coisa tão simples, as vezes é muito complicado, por diversos fatores, vergonha, medo de ser ridículo, falta de tempo e até mesmo falta de crédito, mas não importa.Eu sei o quanto elas são importantes pra mim, e sei que pode ser que demore muito para nos vermos,mas quando isso acontecer, tudo será dito, ou calado, mas transmitido.

Enfim, todos aqueles que eu pensei hoje, espero que estejam bem e que sintam-se ligados.


beijos.


2 comentários:

sonetoaoalvoroco disse...

eu tenho tantas coisas pra te dizer agora, mas tudo se resumiria num abraço. q eu não posso te dar. mas dá pra pelo menos se sentir abraçada e ter certeza q te amo muitão?

beeeijos minha linda.


(fala mais vezes pro seuy pai q sente saudades e o ama, ele precisa!)

Lucianna disse...

Po nem sei o q falar.. a saudade e enorme, mais o q me consola e saber q vc esta bem e q esta seguindo o rumo certo pra sua vida, seu futuro e mt importante!!!
Naum eskecemos de vc nenhum dia, e contamos os dias pra q vc venha pra ca matar a saudade( e tomar uma cervejinha...uahuaha)
bjao Linda e naum eskeca q estamos aki morrendo de saudades
Te amamos
Ass: Luh e Bolha